As Legislativas em Guimarães

Os resultados das Legislativas em Guimarães confirmam as tendências distritais. O PS é o vencedor, com cerca de 47 por cento dos votos, mas perde mais de dois mil votos face há quatro anos. Quem cresce, e cresce muito, são CDS e BE.


Os populares são embalados pelo excelente resultado nacional e regional e ganha quase 1400 votos, tornando-se a terceira força política no concelho. Já os bloquistas alinham pelo crescimento nacional e aumentam a votação na casa dos 40 por cento (7800 votos, face aos 4700 de 2005). O MRPP, que é um fenómeno autárquico particular, mantém sensivelmente a mesma votação.


Os resultados são maus para o PSD, que não só não encurta distâncias para o PS como ainda pede votos (cerca de 400). E são também votações negativas pata a CDU, que perde mais de 600 votos, não conseguindo capitalizar o trabalho de Agostinho Lopes e das estruturas locais dos comunistas.


Bem sei que as eleições são diferentes, mas os resultados devem deixar António Magalhães e o PS satisfeitos. Pelo menos partem com vantagem confortável para as autárquicas do próximo dia 11, ainda que tenham ganham em freguesias que são social-democratas e cuja mudança não é expectável.


Mas vejamos: Face às autárquicas o PS tem mais mil e poucos votos, enquanto que o PSD perde mais de três mil. A CDU é que parece ter mais expressão local do que nacional. Pelo menos é o que parece sugerir os 3500 votos a mais que tem nas autárquicas.


Nesta análise, BE e CDS voltam a merecer destaque: Os populares tiveram míseros 2400 votos nas locais de 2005 e, meses depois, mais de 6000 mil nas nacionais. Com o crescimento que tiveram hoje e a aposta forte na campanha, podem surpreender. O mesmo pode acontecer com o BE (1900 votos nas autárquicas), ainda que os dois cabeças de lista sejam bem distintos. Começa hoje uma corrida intensa a Santa Clara.

3 reacções:

Anónimo | 01:12

Levam uma banhada e ainda dizem que Guimarães está a mudar? (Ver post anterior do senhor Tiago Laranjeiro onde, para já, não são aceites comentários. Pudera...)

Meus amigos, sejamos intelectualmente sérios.

O povo vimaranense deu hoje uma prova inequívoca do que quer e em quem confiam.

Agora, FORÇA e CONFIANÇA para as Autárquicas!

João Pedro Coutinho

Tiago Laranjeiro | 13:49

João Pedro Coutinho,

O seu comentário é que demonstra falta de seriedade. Eu reconheço a derrota e ainda me culpam disso? Estou a ver também que não compreendeu a brincadeira entre o título do artigo que cita e o de outro que escrevi aqui há dias...

Ana | 19:57

Pois é. Mas olhe que não foi só o
João Pedro Coutinho que não percebeu a irónica subtileza do tal título...