Alguém viu o vazio

Os habituais leitores deste blogue já devem estar ambientados à minha visão crítica do jornalismo que (não) se faz em Guimarães. Excessivamente colado às agendas e vozes oficiais, raramente se lê uma novidade na comunicação social local e os temas da actualidade passam ao lado de uma abordagem capaz de contextualizar localmente os problemas do país.

Esta semana li uma peça que faz tudo isso. “A difícil reabilitação” que ocupa as duas páginas centrais do Comércio de Guimarães, faz o que os jornais locais devem fazer. Partir de um tema nacional como são as propostas do governo para a reabilitação urbana e perceber que implicações tem na cidade. E são muitas, como tenho insistentemente alertado.

1 reacções:

Torrinha :) | 00:10

Não venho, propriamente, comentar este post.
Quero antes dar a conhecer-lhe algo do qual tive conhecimento.

Falo de um projecto para uma sociedade futurista sem os muitos problemas que temos hoje em dia.
Peço apenas que divulguem porque achei muito interessante.

Deixo aqui a fonte desta informação, estando, no entanto, ja a fazer mais pesquisas e, como agora, a divulgar.

(http://blogs.myspace.com/index.cfm?fuseaction=blog.view&friendId=73408859&blogId=485070431)

Numa sociedade onde o futuro nos parece incerto, não me parece má ideia "perdermos" um pouco de tempo a abrir os nossos horizontes...