Machadada na qualidade de vida

Lamentável!

5 reacções:

Pedro Morgado | 19:25

Que aconteceu?

Samuel Silva | 20:02

Um terço do Parque da Cidade foi devorado por máquinas nos últimos dias. No extremo norte do parque vai ser criada um loteamento. O circuito de manutenção foi interrompido.
A câmara diz que a intervenção estava prevista há 20 anos, mas a verdade é que no espaço hoje destruído houve intervenção com dinheiros públicos durante os últimos anos.

José Manuel Fernandes | 23:26

Só quem desconhece o projecto achará mau.
Obviamente só existe o parque por permutas de terrenos para loteamentos.
Basicamente é de enaltecer essa política já que permitiu a criação do parque como um conjunto e não uns espaços verdes minúsculos e dispersos.

SicGloriaTransitMundi (Miguel Silva) | 15:02

Acho que a questão fundamental aqui é ter-se dado a ideia aos vimaranenses de que o Parque era bem maior do que manifestamente é na realidade.

E o problema é que agora ficaremos a pensar: e o que sobra, será que não vai pelo mesmo caminho? Espero bem que não...

Tiago Gonçalves | 17:04

No extremo norte aonde estão a fazer o tal loteamento, ainda tinha lá uma eira que foi recuperada pelo município quando fizeram o parque e que agora simplesmente foi arrasado pelas máquinas...durante meses andaram a trabalhar naquela parte do parque jardineiros e trabalhadores da câmara...sem nunca chegarem a concluir qualquer coisa de facto, mas que andaram lá andaram.