O meta-protagonista (II)

O meta-protagonista está sozinho. A direcção de Emílio Macedo da Silva mostra a sua força e a porta da rua está aberta. Talvez nunca devesse ter sido aberta à tal personagem.

1 reacções:

sicgloriatransitmundi | 12:11

A grande questão aqui é que o dito senhor não se deve ter apercebido que, ao ter uma atitude destas numa altura em que a direcção está muito bem vista pelos sócios, estava automaticamente a comprar um bilhete de regresso à ACIG...

Por outro lado, a direcção, ao tomar esta atitude mostrou coesão e que está lá para servir os superiores interesses do Vitória! Mais um ponto a favor da Direcção!