Só más noticias

O jogador da fotografia, nesta notícia, é Leandro Donizete, de 27 anos, médio ofensivo do Coritiba. O texto, além de não dar qualquer informação relevante sobre o jogador, e de ser copy&paste seguido de tratamento de uma criança de 7 anos no seu Magalhães, da notícia do Record, é ainda acompanhada pelo mau significado que ela traz. Das duas uma, ou de facto é o Donizete da fotografia, e ficamos com mais um médio ofensivo para colocar em campo, ou então trata-se mesmo de Leandro Silva, central de 20 anos, e vem para anunciar a saída de Sereno ou o excesso de centrais. Sendo que qualquer das opções implica empréstimo do clube da Luz, facto que irá de encontro com as declarações do inicio da época de Emílio Macedo Silva que prometeu não contratar atletas por empréstimo. Quando não se quer crescer mais do que 4º, seguramo-nos ao que temos com muita força, mas nunca seremos mais do que aquilo.

15 reacções:

Samuel Silva | 15:26

Declaro para os devidos efeitos não ter nada que ver com a crítica exposta.

Sobre a segunda parte do teu texto, é mais do mesmo. A confirmar-se, Milo mente uma vez mais de forma descarada aos vitorianos.

Paulo Lopes | 15:30

Muito mal estávamos se não podíamos criticar no tom que bem nos apetecesse.

Samuel Silva | 15:32

É só para não haver confusões, como há uns tempos com um texto do Tiago, que houve quem julgasse ser meu ou por mim pedido.

Mas vamos ao que interessa: Se Milo mentir mais uma vez, não pode ser corrido com justa causa?

Paulo Lopes | 15:38

A intenção do texto era falar exactamente sobre o Vitória. E esta é de facto uma péssima notícia a todos os níveis. Reforços de qualidade nunca são mal recebidos, mas agora? depois de feita a pré-temporada? e para ajudar a valorizar activos daquele clube? Milo terá que explicar isto..

Samuel Silva | 15:48

Há muita coisa que Milo já devia ter explicado há muito. Na AG foi a vergonha que se viu.

Anónimo | 17:17

Uiii, críticas ao grupo Santiago? Preparem-se, vêm aí os cães de fila.

Paulo Lopes | 17:21

Não. São críticas à contratação por empréstimo de um activo do Benfica para uma posição que não precisamos enquanto existe ainda pelo menos uma debilidade no plantel.

Vimaranes | 17:51

Permite-me discordar não do que dizes (quer no post, quer nos comentários) relativamente à valorização de activos de outros (também já escrevi sobre isso no meu blogue e tenho posição idêntica), mas relativamente à tua opinião sobre a necessidade ou não do reforço da zona central da equipa.

Não sei se Leandro será ou não o jogador indicado (apenas desportivamente falando), porque talvez preferisse um central com mais experiência no futebol português e não mais uma "promessa" na senda de Alencar, mas creio que faria/faz sentido reforçar a defesa. Porque Alencar é muito jovem e inexperiente, porque Sereno está em final de contrato (isto se não sair até dia 31) e Moreno é, apesar da sua boa vontade, um jogador pouco mais do que razoável e uma adaptação no sector. Por isso, e tendo em conta apenas haver Lazzaretti parece-me que era importante o reforço do plantel naquele sector, para preparar a equipa para as lesões (que continuam) e castigos. Obviamente que não me parece o único sector débil. Até há pouco tempo também pedia um extremo esquerdo mas depois de perceber que Vingada parece avesso as extremos, já nem sei se peça.

Anónimo | 20:57

Se de facto vier parece-me de facto um bom jogador e como tal um bom reforço. O problema lá está, é que vamos estar a valorizar um jogador para no fim eles o aproveitarem... É triste que o Vitória continue nesta vida...

Triste também é este constante, nem sei como dizer, ao referido grupo de comunicação. Ou é por causa de um passatempo, ou é são umas fotos trocadas, uma uma notícia que está escrita de forma muita parecida com a original, o que até parece óbvio já que a notícia é digamos que do Record.

Eu até nem gosto muito deles, sempre os achei um pouco arrogantes, mas esta "perseguição" mais do que enjoar, já enoja. E fica-te mal Samuel, esse teu primeiro comentário. É que se não tens nada a ver com a crítica, parece....

Paulo Lopes | 04:43

Caro anónimo,

Se queria referir-se ao bom ou mau gosto da crítica deveria ter-se dirigido a mim, e não ao Samuel. Se reparou na assinatura do post fui eu quem o escreveu. E voltarei a escrever quando vir notícias feitas à base de procuras mal amanhadas no google.

Agora fiquei foi sem perceber porque tanto nojo e enjoo com a crítica. Cai mal ter opinião por esses lados? Isto no tempo do Doutor Salazar é que era!

Samuel Silva | 11:43

Caro Carlos,

Sabes qual era o reforço certo? Renovar com o Sereno. Mas isso já devia ter sido feito há muito.

Samuel Silva | 11:48

Era preciso ter o Paulo em muito má conta para achar que alguém lhe podia encomendar fosse o que fosse.

Uma coisa é certa: a crítica foi construtiva. A foto já lá não está.

Dario Silva | 16:14

Qual foto?
no link referido só vejo uma ilustração, nada de foto.

Vimaranes | 16:46

Sem dúvida que a renovação de Sereno teria sido a melhor opção (espero que ainda se vá a tempo, mas duvido), mas quanto a isso... já não vale a pena "chover no molhado".

doménico do CICP | 00:45

Se eles são os 'finos' os outros vêem passar comboios, não ó senhor anónimo das 20:57?

Muito bem apanhado senhor Paulo Lopes, só é pena que agora esteja lá o emblema do vitorinha os tipos se fiquem a rir. Mas eles é que sérios.