Alguém explica...

...porque é que o Vila Flor é o único centro cultural do Minho que passa em directo a estreia mundial de Das Märchen, a ópera de Emmanuel Nunes, e não encontramos nenhuma referência a isso nos sítios da Oficina e da Câmara?
Eu fiquei a saber pelo Público. E resolvi partilhar convosco.

8 reacções:

aan | 13:39

Eu explico: o CCVF não passa nada. A ópera passa em Vila Flor, no distrito de Bragança, onde deve haver um centro cultural. O Centro Cultural de Vila Flor. Digo isto olhando para um mapa de um anúncio que leio no jornal de hoje.

aan | 13:40

PS: o jornal onde eu vi o mapa foi mesmo esse, o Público.

Samuel Silva | 13:43

Tinha-me escapado esse anúncio. De facto, indica Centro Cultural de Vila Flor, em Vila Flor.
Mas o site do mesmo jornal diz CCCVF, Guimarães.
Fico sem saber.

Samuel Silva | 13:55

De resto, meu caro, o sítio da Câmara de Vila Flor (www.cm-vilaflor.pt) não faz nenhuma referência à transmissão da ópera.

Anónimo | 14:45

A PUB que por aí anda, nos jornais, coloca o CCVF em Vila Flor, encostadinho a Espanha!

Por certo, em Lisboa, no TNSC, devem desconhecer o CCVF de Guimarães.

Numa coisa não se pode criticar o CCVF: um dos argumentos usados para justificar a sua construção foi a ausência de uma sala digna para espectáculos de ópera.
Aí a temos...em ecran gigante, emitida de Lisboa para o povaréu.

António Vinagre

Samuel Silva | 15:59

Desfeita a dúvida: No CCVF não passa a ópera. Portanto, quem estiver interessado terá que ir a Ponte de Lima ou à Casa da Música.

Assim se explica porque não havia referências no respoectivo sitio.

sicgloriatransitmundi (Miguel Silva) | 17:05

Sei de fonte fidedigna, Caro Samuel, que o Público errou...Será que vão emendar???

Samuel Silva | 17:29

Sim, meu caro. Errou o Público e errou também a RTPn que ainda há minutos passava a mesma informação numa reportagem sobre a dita ópera.